Blog

Ilustrador quer fazer arte no seu passaporte

Sério, não faça isso no seu passaporte.

O ilustrador francês Léonard Combier, de 24 anos, teve a idéia de desenhar nas páginas de passaportes, incorporando dos carimbos de imigração em seus desenhos.

E em janeiro deste ano ele enviou seu trabalho ao site Doodlers Anonymous e fez um convite para que qualquer um enviasse para ele o passaporte, que então ele iria ilustrar sem cobrar nada. A única condição era que o passaporte fosse válido.
“Eu recebi muitos pedidos de desenhar em passaportes vencidos, mas eu sempre recusei”, falou Combier. “Para mim, é muito legal saber o que o dono do passaporte vai ter meu desenho com ele por 10 anos (enquanto o passaporte é válido). É como se fosse uma tatuagem.”

Aviso importante: desenhar no seu passaporte pode invalidá-lo. Segundo a política oficial da US Customs and Border Protection, a imigração americana, “qualquer documento que tenha sido alterado, mutilado, ou modificado por alguém que não seja uma autoridade governamental não é válido para viajar dentro dos Estados Unidos.”
Apesar disso, Combier disse que nenhum viajante tenha tido problemas usando seus passaportes “tatuados”. “Os oficiais da imigração têm perguntado, mas não do jeito que você imaginaria”, ele diz. “Primeiro, eles pensam que o desenho foi impresso no passaporte. Quando percebem que foi desenhado a mão, perguntam quem fez, e comentam que realmente gostaram.”
Mas ele acresenta que em alguns casos os oficiais avisam que isso pode causar problemas. “Um amigo meu na França foi avisado que ele deveria fazer um novo passaporte, pois esse poderia ser recusado na China.”

Fonte: Quartz